Produtos

Depois de estabelecido o padrão de TV digital, o Ministério das Comunicações está estudando como será a implantação da rádio digital no país. O padrão DRM garante ao Sistema Brasileiro de Rádio Digital maior flexibilidade de operação, melhor qualidade de serviço, menor custo, além de permitir interatividade, graças as middleware GInga

Para garantir a rápida adoção do DRM pelo país, a SDR está lançando o SDR-M!

O SDR-M é um servidor de conteúdo, encoder e excitador DRM completo. Com ele é possível gerar um sinal DRM 100% compatível com a norma do DRM, a ETSI ES 201 980 V4.1.1 (2014-01). O SDR-M pode ser utilizado tanto para testes de laboratório como para excitar um transmissor OM, OT, OC ou FM que tenha entrada para sinal digital.

O SDR-M está disponível em duas versões, N e E. A versão N é baseada na plataforma da empresa NTi (Rudolf Ille Nachrichtentechnik), e a E é baseada na plataforma da Ettus Research.


SDR-M versão N.

 


SDR-M versão E.

Ambas versões do SDR-M são de excelente qualidade. O SDR-M/N é indicado para radiodifusores ou fabricantes de transmissores que queiram integrar todas as funcionadades do DRM de forma OEM em seus produtos, sendo um equipamento preparado atender a rigorosas máscaras de transmissão e operação 24x7. Já o SDR-M/E tem uma configuração mais versátil porém mais complexa, sendo indicada para laboratórios e centros de pesquisa.

 


SDR-M/N em operação.

Na configuração padrão a potência de saída é de 100mW efetivos (RMS). No caso da necessidade de potência superior, podemos prover amplificador adaptado à potência desejada.

Entre em contato e faça uma cotação!